Amparo sediará Concurso de Moda Inclusiva

0
519

Amparo será sede do Concurso de Moda Inclusiva, da Secretaria da Pessoa com Deficiência Física, do Governo do Estado de São Paulo. Na tarde de segunda-feira, 04/04, integrantes do Executivo Municipal, entidades assistenciais, representantes da Unifia e a coordenadora da Secretaria de Estado, Daniela Auler estiveram reunidos para a apresentação do evento.

Em Amparo, o Centro Universitário Amparense conheceu a iniciativa e já confirmou a inscrição para a participação do desfile de modas que está agendado para o dia 22 de junho. “A participação de alunos da Unifia foi imediata. Estaremos participando com o maior número de pessoas possível”, disse o pró reitor da Unifia, professor Fábio Gomes de Araújo.

De acordo com a coordenadora do Concurso, estudantes e profissionais de moda e saúde da região de Campinas devem se inscrever até o dia 10 de junho e apresentar os trabalhos em data e local ainda não definidos. O vencedor da região de Campinas receberá o tecido para confeccionar o look proposto e irá apresenta-lo na edição internacional.

logo-moda-inclusivaO Concurso Moda Inclusiva é uma iniciativa da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e tem o objetivo de produzir looks para pessoas com deficiência. Os interessados podem se inscrever através do link http://modainclusiva.sedpcd.sp.gov.br/inscricao até o dia 10 de junho. A inscrição no concurso que acontecerá em Amparo não anula ou substitui a participação na 8ª edição do Concurso Moda Inclusiva Internacional.

Assim como a edição anterior, podem participar do Concurso Moda Inclusiva Internacional estudantes de cursos técnicos, universitários e profissionais de moda e saúde não só do Brasil, mas de todo o mundo.

A ideia de tornar o Concurso Moda Inclusiva internacional surgiu da necessidade de convidar participantes de todo o mundo a compartilhar soluções inovadoras que podem contribuir no bem estar e na qualidade de vida das pessoas com deficiência, além de apresentar novos conceitos à moda.

Os 20 melhores trabalhos inscritos serão apoiados com tecido para a confecção das roupas e participarão do desfile final em um grande evento no final do ano, na capital paulista. Os três melhores colocados serão premiados.

O Brasil tem, hoje, cerca de 45 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência. Somente no Estado de São Paulo, esse contingente ultrapassa 9 milhões. Há um grande mercado de produtos e serviços para atender as demandas específicas desse segmento.

Fonte: Assessoria de Imprensa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here